RECEITAS INFO. | DÚVIDAS
 
 
Medicamentos da despensa

Medicamentos da despensa

Todos nós conhecemos os benefícios da vitamina C dos citrinos na prevenção das gripes e constipações. Mas existem muitos outros remédios menos conhecidos, mas igualmente eficazes contra perturbações comuns. Investigações científicas recentes confirmam esses benefícios.



Sistema imunitário enfraquecido
AMORAS E PAPAIA – As amoras são excelentes nutrientes, baixas em açúcar e grandes fornecedoras de antioxidantes, o que contribui para o reforço do sistema imunitário. A papaia é outro alimento a ter em conta, devido ao seu elevado conteúdo em vitaminas A e C. Com efeito, segundo estudos recentes, apenas meia papaia fornece 150% das necessidades diárias de vitamina C.
É importante saber – As amoras são ainda mais benéficas quando consumidas sob a forma de compota: os níveis de antioxidantes chegam a duplicar.

Dor de cabeça
GENGIBRE – Além de minerais tão saudáveis como o ferro e o potássio, o gengibre contém uma substância, o gingerol, cujo efeito é semelhante ao de fármacos como a aspirina, uma vez que é analgésico. Também é anti-inflamatório e anti-pirético, controla a tensão arterial e é um tónico para o estômago, dado que reduz as náuseas – sobretudo, as típicas da gravidez – e as ressacas.
É importante saber – Pode ingerir-se fresco, como especiaria, em tintura ou em infusão (12g de planta por cada litro de água; uma chávena, três vezes ao dia).

Obstipação
ESPINAFRES – Embora não contenham tanto ferro como se pensava, o certo é que os espinafres são um alimento imprescindível na dieta quotidiana, já que são ricos em antioxidantes, estimulam a função pancreática e têm propriedades laxantes. Devido ao seu elevado conteúdo em potássio e à baixa presença de sódio, também potenciam uma acção diurética, que favorece a eliminação do excesso de líquidos do organismo.
É importante saber – Devem escolher-se os espinafres que apresentem uma cor verde, brilhante e uniforme, com um aspecto fresco e tenro.

Problemas de circulação sanguínea
ALHO E ÓLEO DE GÉRMEN DE TRIGO – Uma recente investigação, levada a cabo na Universidade de Alabama (Estados Unidos), veio confirmar que o alho pode converter-se no melhor aliado dos vasos sanguíneos. Segundo os cientistas, esse efeito deve-se a uma substância que os compostos presentes no alho libertam directamente nos tecidos dos vasos sanguíneos, que faz com que estes relaxem e se reduza a inflamação que está na origem de certos problemas cardíacos.
Outro alimento benéfico para a circulação é o óleo de gérmen de trigo, devido ao seu elevado conteúdo em vitamina E, o qual activa a irrigação.
É importante saber – As virtudes medicinais do alho apenas se fazem sentir se este for consumido cru.

Estômago irritado
COMINHO – As propriedades do cominho deve-se a um princípio activo presente no seu óleo essencial. Graças a essa substância, o cominho é considerado um poderoso tónico gástrico e um estimulante do peristaltismo intestinal: desta forma, abre o apetite, estimula a digestão e facilita a evacuação. Além disso, contribui para o desaparecimento dos gases.
É importante saber – Devido ao seu sabor intenso, há que usar os cominhos em pequena quantidade. Podem fazer parte tanto de pratos salgados como doces, sendo possível, também, preparar infusões digestivas. Para potenciar os seus efeitos, recomenda-se misturar anis e funcho.

Esgotamento
ERVILHAS E TRIGO VERDE – As ervilhas são energia pura, derivado ao seu elevado conteúdo em proteína vegetal e hidratos de carbono complexos. Segundo investigações recentes, este alimento pode ser um estupendo aliado das convalescenças, dado que favorece a recuperação da força muscular.
Por seu lado, o sumo de trigo verde está a transformar-se num dos novos alimentos dietéticos mais populares nos Estados Unidos. Trata-se de um sumo doce, que se extrai das plantas de trigo jovens e que fornece mais proteínas do que a carne, numerosas vitaminas, cálcio, fósforo e magnésio.
É importante saber – O ácido salicílico do sumo de trigo verde favorece o estado da pele e do cabelo.

Dificuldades de concentração
ATUM, ARENQUE E SALMÃO – Os benefícios dos peixes azuis, especialmente para a saúde cardiovascular, devem-se ao seu elevado conteúdo em ácidos gordos ómega-3. Por outro lado, vários estudos já demonstraram que quem segue uma dieta rica nestes ácidos gordos adquire uma maior destreza mental e menor risco de desenvolver demência. Em contrapartida, esses e outros estudos evidenciaram um maior risco de sofrer demência em pessoas com dietas ricas em ácidos gordos ómega-6, gorduras polinsaturadas presentes na carne, nos ovos e em vários óleos
É importante saber – Investigações sobre as dificuldades de concentração também demonstraram que muitas pessoas têm destes problemas porque bebem pouca água ou abusam de bebidas alcoólicas, uma vez que a desidratação está directamente vinculada com a falta de atenção.

Irritabilidade
NOZES – Além de serem reguladoras do chamado colesterol «mau», as nozes possuem vitaminas do tipo B6, que podem exercer um excelente efeito modulador do estado anímico. E, devido ao seu efeito calmante, as vitaminas deste grupo são as melhores aliadas do combate ao stress.
É importante saber – Vários estudos demonstraram que consumir entre três e cinco nozes por dia permite desfrutar de todos os seus benefícios.

Insónias
SEMENTES DE ABÓBORA – As sementes da abóbora contêm vários grupos importantes de compostos activos: ácidos gordos essenciais, aminoácidos, fitoesteróis – como o beta-sitosterol –, minerais e vitaminas. Existem estudos que indicam os seus efeitos benéficos sobre a próstata, bem como na redução do risco de formação de cálculos renais. Mas há mais: dados recentes apontam as sementes de girassol como potenciadoras da produção de melatonina, a hormona associada ao início do sono.
É importante saber – Para obter todos os benefícios destas sementes, há que cozê-las em leite ou água e consumi-las aproximadamente uma hora antes de ir dormir.

Síndroma pré-menstrual
GÉRMEN DE TRIGO – Esta é a fonte natural mais rica em vitamina E, um dos antioxidantes mais potentes. Além deste efeito anti-envelhecimento, fornece ao organismo feminino algumas substâncias muito efectivas a combater os efeitos associados à síndroma pré-menstrual: o manganésio e o cobre, que aliviam as dores abdominais prévias à menstruação.
É importante saber – A forma mais comum de encontrar o gérmen de trigo é granulado ou em flocos. Aconselha-se a tomar 1 a 2 colheres de chá por dia.

Perturbações da menopausa
SOJA E DERIVADOS – Durante os últimos anos, diversas investigações demonstraram claramente que a ingestão regular de soja e seus derivados, ricos em isoflavonas, serve para aliviar os sintomas associados à menopausa: afrontamentos, dores articulares e musculares, irritabilidade e aumento de peso. As isoflavonas são estrogénios naturais, com efeitos benéficos sobre determinados órgãos e tecidos do organismo, nomeadamente o coração.
É importante saber – A soja oferece distintas apresentações, todas elas com as mesmas propriedades para a saúde: a soja fresca, por exemplo, tem um sabor mais suave que os grãos secos e pode ser incluída em sopas e guisados; a fécula de soja pode combinar-se com outras farinhas, para elaborar massas ou bolos; o leite e o queijo de soja são excelentes alimentos, durante o climatério.

Cistite
GROSELHAS E ARANDOS – Desde meados do longínquo século XIX que se sabe que as groselhas e os arandos servem para aliviar os sintomas associados às infecções urinárias. A explicação encontra-se no facto destas frutas conterem uma substância que impede as bactérias – especialmente a E. Coli, uma das causadoras da cistite – de aderirem às paredes do tracto urinário.
É importante saber – Para reduzir a acidez dos arandos, misture-os com cereais integrais e bagas de romã. Quanto ao sumo de arando – a forma mais potente de aceder aos seus benefícios –, é certo que contém muitas calorias, mas pode aligeirar-se diluindo-o em água gaseificada.

Rugas
TOMATE E CENOURA – Ambos os alimentos são poderosos antioxidantes. A cenoura é rica em betacarotenos, enquanto que o licopeno do tomate é útil para atenuar a acção dos radicais livres.
É importante saber – A acção destas substâncias atenua os estragos na pele provocados pelos radicais livres, reforçando a produção de colagénio e elastina, artífices da elasticidade cutânea.

Pele seca
OVOS – Os ovos são uma excelente fonte de proteínas e de vitaminas B12 e D, contendo ainda selénio, um mineral que reforça a camada hidrolipídica, devolvendo à epiderme o sebo perdido e evitando que a pele seque e descame.

Queda de cabelo
MORANGOS, COGUMELOS, OSTRAS E ESPARGOS – Todos estes alimentos, juntos ou separados, fornecem um importante cocktail de nutrientes fundamentais para a pele e para o bolbo capilar: zinco, ácido fólico e biotina (vitamina B8).
É importante saber – O ácido linoleico, presente no óleo de girassol e no de soja, também é muito recomendável para gozar de um cabelo brilhante e saudável.


Artigo publicado na SAÚDE E BEM-ESTAR nº 167 / Março 2008


2007 Terra Pura . Todos os direitos reservados - Hosting PapelDigital.eu